Uma loja, mesmo que pequena, vai se beneficiar muito com o uso de um sistema de frente de caixa. Esse sistema, como o nome indica, é um software que trabalha na última etapa do atendimento no ponto de venda.

Ele é usado para finalizar as compras, ler códigos de barras, somar ou descontar valores, receber pagamentos, emissão de cupom e nota fiscal, entre outras funções. É essencial usar esse sistema no varejo, mesmo trabalhando de forma autônoma, para manter um bom controle de caixa e otimizar o relacionamento com os clientes, ganhando credibilidade.

Outro ponto importante é que o sistema de frente de caixa ajuda ainda a aumentar vendas do empreendimento. Confira nos tópicos abaixo como é possível ganhar mais dinheiro usando essa ferramenta.

 

Melhor atendimento

Imagine que desagradável perder uma venda por não aceitar uma condição de pagamento procurada, ou por ter uma fila muito grande de clientes. No objetivo de aumentar vendas, é essencial oferecer um bom atendimento, o que inclui uma finalização de compra rápida e com boas opções de pagamento.

O sistema de frente de caixa propicia um atendimento mais eficiente justamente por agilizar o pagamento (evitando as filas e as desistências), o que libera mais tempo para atender dúvidas dos clientes no ponto ou no pós-venda.

 

Emissão de nota fiscal

Ao trabalhar com varejo para o cliente final, a nota fiscal é uma obrigação do lojista e um direito do consumidor. O sistema de frente de caixa pode ser programado para emitir o cupom e a nota fiscal, ou então enviar a Nota Fiscal de Consumidor Eletrônica (NFCe) por e-mail.

O cupom e a nota também dão ao cliente a garantia de trocar os produtos comprados, o que beneficia a qualidade do atendimento (pós-venda, no caso). Sim, é verdade que muitas lojas pequenas não oferecem esses documentos, mas é muito melhor trabalhar regularizado e ter seus pagamentos garantidos do que correr risco por escolher o que é mais fácil, não?

 

Criação de metas

Metas ajudam a orientar o trabalho, e não nascem necessariamente do sistema, mas é nele que elas podem ser encontradas e definidas para atingir objetivos alcançáveis. Um bom sistema de frente de caixa registra um histórico de transações e analisa o que pode ser trabalhado para aumentar vendas ou lucro.

É interessante olhar esses dados registrados periodicamente e criar metas a partir deles: vender mais de um produto, aumentar ou diminuir o preço de outro, aumentar o lucro em X%, e por aí vai. Essas metas devem considerar também a disponibilidade do estoque, que você pode entender no próximo tópico.

Simplifique a gestão do seu negócio com o aplicativo gratuito da iZettle.

Saiba mais aqui!

Integração com o estoque

Produtos parados no estoque são um prejuízo: não estão recuperando seu custo e ainda ocupam espaço para novas mercadorias. Sem ter o produto desejado em estoque, você perde uma venda.

O sistema de frente de caixa pode se integrar ao de controle de estoque, acompanhando a situação a cada venda e antecipando a necessidade de repor produtos ou colocá-los em promoção. Promoções e liquidações também atendem ao objetivo de aumentar vendas, mas precisam de pesquisa e planejamento para não piorar a situação.

Agora que você sabe porque a frente de caixa é importante, veja também como usar as liquidações para vender mais.