Autoestima é uma palavra em alta nos últimos anos. O Brasil como o quarto colocado no ranking mundial de vendas de produtos de higiene e beleza mostra a força desse mercado. E com tanto potencial de lucro, aprender como ser um bom vendedor de cosméticos é fundamental para se destacar.

Para este ano, a expectativa de aumento no setor de higiene e beleza é de 3,8%, atingindo uma receita R$ 106 milhões. A título de comparação, no ano passado, o PIB brasileiro cresceu apenas 1%.

Os representantes de vendas de cosméticos que trabalham para fabricantes e distribuidores de produtos de beleza são responsáveis ​​por vender e educar os clientes sobre os recursos e benefícios dos produtos. Eles também são responsáveis por demonstrar como os produtos de beleza devem ser usados.

Além disso, são frequentemente responsáveis ​​pelos esforços promocionais e podem ter de participar de feiras para mostrar os produtos e manter-se atualizados com o restante do setor.

O trabalho em vendas costuma ser competitivo e os representantes podem ser incentivados a cumprir metas de vendas. No entanto, a flexibilidade de fazer seus próprios horários trabalhando como profissional autônomo ou em paralelo com um primeiro trabalho é muito vantajoso.

Continue lendo e aprenda como ser um bom vendedor de cosméticos e um passo a passo de como começar.

Leia também: Revenda de produtos de beleza: saiba como ter sucesso.

Passos para se tornar um representante de produtos cosméticos

Passo 1: Entender a área

Dependendo da empresa, pode existir um sistema de treinamentos que capacitam os vendedores, ensinando técnicas de vendas, dicas de como abordar clientes e fidelizá-los para que voltem a comprar.

Possíveis tópicos dos cursos ainda podem incluir:

  • negócios de beleza;
  • conhecimento de produtos cosméticos e de fragrâncias;
  • marketing;
  • promoção;
  • apresentação;
  • comportamento do consumidor e outros tópicos relacionados.

Aproveite todas as oportunidades para ganhar conhecimento sobre o setor e aprender como ser um bom vendedor de cosméticos com aqueles que têm mais prática no mercado.

Etapa 2: Ter experiências

A maioria das empresas de cosméticos não exigem comprovação de experiência no campo para se tornar vendedor. Embora a experiência em vendas de cosméticos seja ideal, a experiência de vendas em qualquer campo pode ser útil.

Em muitos casos, como mencionado acima, as empresas de cosméticos oferecem treinamentos para qualificar os representantes em produtos e como usá-los.

Se não tiver experiência, o conhecimento adquirido nos treinamentos, pode te ajudar a identificar onde você tem naturalmente mais facilidade e quais pontos vai precisar melhorar.

Seja adquirida ou inata, ter experiências e criá-las é uma atitude que vai te ajudar a se desenvolver e aprender como ser um bom vendedor de cosméticos.

Etapa 3: Treinamento completo

Além dos treinamentos da empresa, outra forma de completar sua formação como um vendedor de cosméticos é fazer cursos online sobre marketing digital, por exemplo.

Aprender como usar as novas mídias de maneira dinâmica e rica para mostrar o que você vende é estratégico nos dias de hoje. Aproveite os cursos à distância disponíveis online e complete seu treinamento técnico para aprender como divulgar seus produtos.

Outro treinamento pode incluir o acompanhamento de um representante experiente em chamadas de vendas. A maioria dos fabricantes limita os representantes a seus próprios territórios após a conclusão do treinamento. Faça contatos e continue aprendendo.

Passo 4: Procurar oportunidades de avanço

Se você já está atingindo com sucesso as metas de vendas, pode se qualificar para novas oportunidades dentro da organização, caso tenha essas oportunidades.

Possíveis promoções incluem gerentes de vendas/território ou treinadores de vendas, oferecendo educação e treinamento para representantes novos e inexperientes.

Para se tornar ser um bom vendedor de cosméticos, você precisará investir tempo nos treinamentos e ganhar experiência de trabalho de revender produtos.

Depois de falar dos primeiros passos como vendedor de cosméticos, vamos falar de estratégias de marketing que podem resultar em mais dinheiro sendo gasto em produtos cosméticos.

Dicas de marketing para atrair seus clientes

Iluminação especial para o cliente visualizar o efeito do produto

Muitas lojas de departamento têm iluminação alta vinda diretamente do teto. E o efeito no espelho é uma pele com um tom esverdeado ou azulado.

Uma dica é investir em um espelho com iluminação embutida com luzes brancas que permitem aos consumidores visualizarem os tons da maquiagem e a cor que desejam, melhorando a experiência do cliente.

As lâmpadas de LED também fornecem uma luz pura e produzem um ambiente personalizado e intimista. Proporcionam ainda uma aparência de estúdio de fotografia que pode agradar seus clientes.

Esse tipo de espelho pode ser encontrado tanto em lojas físicas quanto online com preços acessíveis e que variam de acordo com a marca escolhida.

Batons primeiro

Os batons de cores vivas são frequentemente colocados em balcões e na frente de mostruários para atrair clientes a comprar mais.

É a mesma ideia seguida para organizar a sessão de doces na prateleira do supermercado. Assim como os produtos frescos colocados na frente para demonstrar as credenciais de qualidade do hortifrúti.

Batons são considerados uma compra por impulso. Por isso, coloque os glosses e batons na frente dos seus displays de venda. É uma maneira infalível de mostrar as novidades e falar sobre elas para os seus clientes na hora da venda.

Tática do 3

A maioria das pessoas não termina uma compra de maquiagem com apenas um produto de novo na sua bolsa. E não é só porque as mulheres acham que precisam gastar uma quantia farta de dinheiro quando o assunto é cosmético.

Três é o número mágico e o objetivo é vender sempre produtos em três. Esse é um número realista porque não faz com que o cliente se sinta sobrecarregado ou que está gastando muito.

O objetivo é fazer com que os consumidores comprem mais e melhor. Portanto, se alguém comprar um rímel, pode precisar de um delineador também. Prestar atenção no que o consumidor fala durante a compra é fundamental para criar essas oportunidades.

Triângulos mágicos

As vendas não são as únicas que vêm em três – os displays também podem ser organizados dessa forma. Esse equilíbrio triangular é extremamente eficaz.

Ele joga com a ideia de que o olho vai direto para o meio. Então os produtos mais altos vão no meio (geralmente os mais caros) e os produtos menores e mais baratos ficam ao redor para tornar a aparência do mais caro atraente.

Dar amostras estrategicamente

As empresas de cosméticos gastam milhões de reais anualmente para distribuir amostras gratuitas de cosméticos. Elas fazem isso porque o olfato ou o tato de uma pessoa vão desencadear uma resposta que as leva a comprar um produto.

Os sentidos, como o olfato e o tato, conduzem comportamentos do consumidor. Se uma pessoa faz um test drive em um carro, ela tem 60% mais chances de comprar esse veículo.

Esse número é ainda maior quando se trata de beleza. As pessoas se sentem mais compelidas a comprar lhe é dado algo útil e que ela gosta para experimentar.

Ao receber amostras distribua-as estrategicamente nas vendas que fizer e de forma personalizada, de acordo com o gosto do cliente, para que ele conheça as novidades.

Agora que você tem uma boa base para se desenvolver como ser um bom vendedor de cosméticos, vai precisar de um sistema de gestão para controlar seu estoque de produtos, suas vendas, saber o que seu cliente comprou ou contratar um serviço de maquininha de cartão.

Conheça o sistema de gestão gratuito da iZettle e simplifique a gestão do seu negócio. Organize seus produtos, controle o estoque, administre sua equipe e muito mais, quando e onde precisar.

Converse com nossos especialistas por telefone para saber mais sobre nossos planos e sobre nossa maquininha de cartão.