Quanto custa abrir um consultório odontológico: 6 fatores cruciais que afetam seus investimentos

Quanto custa abrir um consultório odontológico: 6 fatores cruciais que afetam seus investimentos

quanto-custa-abrir-consultorio-odontologico

Como um dentista recém-licenciado, você está pronto para arrumar os livros e começar a trabalhar. É um momento emocionante, com certeza, mas antes que você possa seguir a carreira dos seus sonhos, surge a pergunta importante:

Quanto custa abrir um consultório odontológico?

Tão caro quanto qualquer negócio de startup, o custo total de abrir uma clínica odontológica pode oscilar dependendo de uma variedade de fatores.

Com essas seis dicas de custo inicial, você poderá identificar fatores importantes para ajudá-lo a tomar melhores decisões sobre seu consultório, seu orçamento e seus pacientes.

Leia mais: [GUIA] Como elaborar um plano de negócio: 7 passos práticos.

Quanto custa abrir um consultório odontológico: como começar do 0

Fator #1: A localização

O primeiro fator a considerar ao calcular quanto custa abrir um consultório odontológico é a localização. O local escolhido terá um impacto muito grande no custo total de sua inicialização.

Seu principal objetivo aqui é encontrar um local com um custo razoavelmente baixo e, ao mesmo tempo, apoiar suas metas de crescimento.

Em uma área de baixo custo você pode economizar até 20% em despesas, mas isso tem suas desvantagens. Uma área de baixo custo pode ser inacessível ou inconveniente para seu público-alvo e pode limitar suas metas de crescimento.

Idealmente, você precisa encontrar um local com custo baixo ou razoável, acessível e alinhado às suas metas de crescimento.

Seguir as dicas a seguir pode ajudar, embora, em muitos casos, você não consiga aliar todos eles. Portanto, deve existir alguma flexibilidade, se necessário:

  • Não abra em uma área supersaturada (ou seja, 10 dentistas no mesmo bloco).
  • A visibilidade é importante. Colocar o consultório em um prédio de escritórios onde não há tráfego de pedestres torna a vida mais difícil. Idealmente, você deve estar em um local onde há tráfego de pedestres e ao lado ou do outro lado da rua de uma área notável que todos no bairro estão cientes (como uma grande mercearia, restaurante popular, cafeteria, etc.).
  • Certifique-se de que você pode ter uma sinalização atrativa. Alguns locais ou municípios têm restrições de sinalização. Então mesmo que você esteja em um local visível, as pessoas ainda não saberão que você está lá porque não pode mostrar claramente o fato de ser um dentista e sua marca. Letras pequenas em uma janela ou um minúsculo retângulo preto e branco em uma placa com 20 outras empresas não são boas opções.
  • Pesquise a demografia local. Faça sua lição de casa aqui. Observe aspectos como o nível de renda, tamanho da família, proprietários de imóveis vs locatários, etc.

Complete sua leitura: Como divulgar um serviço na internet | ESPECIAL microempresa.

Fator #2: O tamanho

Outro fator significativo que impacta quanto custa abrir um consultório odontológico é o tamanho da sua clínica e operações. Cada dentista terá sua própria visão do que quer para o seu negócio.

O tamanho da sua clínica odontológica dependerá do tamanho das suas operações. A construção de um escritório muito menor certamente reduzirá suas despesas iniciais, mas estará alinhada às suas expectativas profissionais daqui a alguns anos?

Por exemplo, o número de cadeiras que você espera acomodar terá uma influência muito grande na decisão da metragem quadrada.

Se você está começando com apenas uma cadeira, uma pequena clínica funciona, o que pode reduzir bastante seus custos iniciais. Se, no entanto, você planeja ter mais 5 cadeiras nos próximos 5 anos, então não seria prudente poupar espaço na clínica.

Fator #3: Taxas bancárias

Sua melhor aposta será sempre trabalhar com um banco que já entende o setor odontológico. Embora a taxa mais baixa possa parecer a opção mais lógica, não se deixe enganar.

Baixa flexibilidade, ciclos de pagamento restritivos e custos inesperados no primeiro ano podem resultar em estresse financeiro desnecessário.

Em vez disso, considere também o prazo do empréstimo (se fizer), os detalhes de pré-pagamento e os níveis de serviço do credor.

Com uma pesquisa simples, você também será capaz de identificar os credores especializados locais que estarão dispostos a acomodar suas necessidades profissionais.

Leia também: 9 dicas de organização financeira para pequenas empresas.

Fator #4: Empreiteiro

A escolha do empreiteiro certo também pode afetar seus custos iniciais, pois a escolha errada pode significar muitos reais a mais em custos. Descuidos no design e no planejamento podem levá-lo a um valor de “quanto custa abrir um consultório odontológico” muito maior do que o esperado.

Certifique-se de fazer uma pesquisa antes de escolher um empreiteiro que o ajudará a transformar seus sonhos em realidade. Dê uma olhada em sua experiência, veja o que os clientes anteriores disseram sobre eles e compare as cotações.

Fator #5: A equipe

Quando você está iniciando um consultório odontológico do zero, é mais econômico manter sua equipe no mínimo, com apenas aqueles de que você realmente precisa. Mas “equipe” aqui se refere não somente à sua equipe, mas também às pessoas que você procura ajuda nos estágios preliminares, quando ainda tem muitas dúvidas de quanto custa abrir um consultório odontológico.

Isso inclui seu contador, seu advogado e seu credor. O contador e o advogado corretos podem ajudá-lo a minimizar os custos negociando os melhores preços e aconselhando-o sobre estruturas corporativas, sistemas contábeis e questões de conformidade adequadas.

Um credor confiável é crucial também. Os credores especializados geralmente compreendem melhor o setor e oferecem taxas mais razoáveis ​​e acordos de empréstimo mais eficientes.

Ao associar-se a esses especialistas, você pode obter as soluções de gerenciamento com a melhor relação custo-benefício para seu consultório odontológico.

Fator #6: Visão

Essa é a única coisa que afeta todos os outros fatores acima. É um dos principais determinantes para o local escolhido, o tamanho de sua clínica e operações e a equipe à sua volta.

Portanto, é vital ter uma visão clara do que você gostaria de ter para o seu consultório e traçar um plano de como você alcançará essa visão.

Tome nota dessas coisas ao criar sua visão. Sua visão para seu consultório odontológico deve estar alinhada com seus objetivos e sua capacidade financeira.

Os custos iniciais de um consultório odontológico não precisam ser onerosos. Ao tomar decisões sábias em relação aos seis fatores acima, você pode manter seus custos em um nível mínimo e levar seu consultório a um começo financeiramente positivo.

Agora que você tem uma boa base sobre quanto custa abrir um consultório odontológico, vai precisar de um sistema de gestão para controlar seus atendimentos e de um sistema de maquininha de cartão para receber pagamentos, correto?

Conheça também o sistema de gestão gratuito, o iZettle Go e simplifique o gerenciamento do seu negócio.

Organize seus produtos, controle o estoque, administre sua equipe e muito mais, quando e onde precisar.

Siga-nos @izettleGet into iZettle now!

Error validating access token: The session has been invalidated because the user changed their password or Facebook has changed the session for security reasons.